quarta-feira, 15 de julho de 2009

Está provado, elas preferem a internet!

Saiu no Wall Street Journal. As mulheres estão preferindo navegar a fazer sexo. Que a internet seja a droga do novo século não temos mais nenhuma duvida, entre Messenger, Twitter, Orkut, Facebook, Skype, blogs etc. O tempo é quase insuficiente para dedicar-se à vida normal, mas quem teria imaginado que tudo isso poderia ocupar o lugar do sexo?
Poia uma pesquisa recente mostrou que estatisticamente, 46% das mulheres americanas entre 22 e 34 anos, entre até duas semanas sem ter relações sexuais e duas semanas sem internet escolheram ficar sem transar. E o percentual aumenta para 52% na faixa etária de 35 a 50 anos. Entre os homens, a percentagem foi menor, apenas 30% dizem preferir internet ao sexo.


6 comentários:

Ana Borges disse...

Eita, nunca poderia imaginar que surgisse uma forma de controle da natalidade mais eficaz.
Os governantes chineses, ao invés de ficar perseguindo as menininhas, deviam liberar a internet por lá e assim acabavam com a superpopulação.
E nos países q. ñ procriam, que proíbam!
Estaria resolvido o problema de muita gente num e pouca noutro.
De qq. maneira, essa estatística é triste, cacete!

Ana Borges disse...

....ao invés de ficarem...

Ana Borges disse...

ai meu saco, essa minha mania de ficar revisando ad infinitumn. parece até coisa de TOC.
but....deveriam liberar...

Ana Borges disse...

agora chega, outro erro no último post, mas não vou consertar!

Dalvinha disse...

Aninha, vc. é muuuuuuuuuuuito, muuuuuito engraçada. Cacete!

Liliana disse...

rsrsrsrsrs....o comentário da Ana é muito, muito bom mesmo! concordo totalmente com ele!!!!!!!